Se você decidiu investir no Marketing Digital e deseja entender como produzir um infoproduto, está no lugar certo! Neste artigo, iremos orientá-lo sobre alguns dos principais pontos a se considerar na criação do seu produto digital. Mas, antes, vamos relembrar rapidamente o que é esta modalidade e quais são seus benefícios.

O que é infoproduto?

O infoproduto é uma solução digital que, em geral, está associada a propostas educativas, ou seja, de transmitir conhecimento em vários níveis, desde iniciante ao avançado. Mas, também é muito comum encontrarmos materiais voltados para o entretenimento.

Por que criar um infoproduto?

Entre as grandes vantagens deste formato está o seu baixo custo, pois não exige matéria-prima e nem espaço físico para estocagem. Além disso, traz presença digital para seu negócio, aumentando a autoridade da marca.

Assim, haverá um alcance maior de clientes e um aumento significativo das vendas.
Portanto, confira agora 5 dicas essenciais que preparamos para ajudá-lo a criar o seu próprio infoproduto.

Como produzir um infoproduto em 5 passos

Fazer um infoproduto do zero requer uma pesquisa aprofundada do campo de atuação desejado. Mas, além disso, é preciso entender como o seu conhecimento pode ser transformado em uma solução para um determinado público-alvo. Confira a seguir.

alvo com user no centro

1. Defina seu nicho

Antes de criar o seu infoproduto, é preciso identificar qual é o seu potencial.
É natural que a maior parte das pessoas tenham conhecimento em áreas diversas. Mas, você deverá analisar em qual delas mais se destaca.

Afinal, o ideal é que o conteúdo do seu infoproduto seja construído através de um tema no qual você se considera um expert. Isso será um grande diferencial na hora de vender, pois influenciará também na qualidade da informação.

Portanto, defina qual a área você domina e, a partir daí, já terá uma base para a escolha do seu nicho.

Mas, caso você prefira investir em uma área que considera promissora, mas não domina, poderá optar pela coprodução de infoprodutos. Nesta modalidade, é possível fazer uma parceria com quem já é autoridade no assunto e dividir o lucro.

2. Analise a concorrência

lupa com competidoresEntender o que os seus concorrentes já estão fazendo é uma boa pista do que está dando certo no mercado. Aqui, você deve identificar pontos fortes e fracos, além dos principais desafios e oportunidades, do nicho escolhido.

Desta forma, busque distinguir quais são as principais práticas dos seus concorrentes, assim como seus resultados, para que você possa ingressar no mercado de maneira estratégica e promissora.

Guru como o centro de controle do seu negócio online

Impulsione suas Vendas Online

Checkout de alta conversão, gestão centralizada, inteligência de dados e integração com todas as etapas da venda online num só lugar.

Sem compromisso

3. Valide sua ideia

lampada com certo no centroÀ primeira vista, boa parte das ideias de negócios podem parecer promissoras. Mas é importante colocar seu plano de negócio à prova antes de lançá-lo efetivamente.
Para isso, você pode seguir estas etapas:

  • Lance questionários online para clientes em potencial;
  • Consulte mentores que sejam experts no assunto;
  • Crie um Mínimo Produto Viável (MPV).

Ao reunir estas informações, você estará muito mais próximo de uma conclusão assertiva sobre sua ideia. Assim, além de evitar possíveis enganos, você conseguirá identificar as melhores oportunidades.

4. Entenda a dor da sua audiência

duas caras com setas entre si
Definir quem é o seu cliente em potencial é um dos passos mais importantes na hora de criar o seu infoproduto.

Afinal, é através das características comportamentais e demográficas, de uma determinada audiência, que você entenderá suas principais necessidades e motivações.

Aa partir daí, o seu produto precisa se apresentar como uma solução para uma dor específica desse público-alvo.

5. Escolha o formato de infoproduto

mão seleciona quadrado
A escolha do formato do seu infoproduto também está relacionada à sua audiência, da qual falamos anteriormente. Portanto, essa é uma decisão que pode variar de acordo com o perfil dos seus clientes em potencial.

Um podcast, por exemplo, torna-se muito mais prático que um e-book para quem tem uma rotina muito cheia. Já que o formato em áudio pode ser consumido enquanto se pratica outras tarefas.

Conclusão

Através de nossas dicas, ficou fácil entender como produzir um infoproduto, não é verdade?

Mas, fique atento ao próximo passo! Na hora de contratar uma plataforma de vendas online, verifique se ela oferece as ferramentas necessárias para rodar o seu negócio.

Se você pretende oferecer cursos online, por exemplo, precisará de uma plataforma integrada a uma área de membros, como a da Digital Manager Guru, para liberar o acesso aos seus alunos.

Afinal, além de um produto de qualidade, é fundamental promover uma jornada de compras gratificante aos seus clientes.